Lancheira: Dicas de Montagem

Com a volta às aulas, há instituições que oferecem as refeições e lanches – pagamento de taxa extra, e outras abrem a opção dos pais enviarem a lancheira – de acordo com um parâmetro nutricional já estipulado – que os pequenos tanto adoram!

Recebi algumas dicas do Complexo Hospitalar Edmundo Vasconcelos, da nutricionista Patrícia C. Berger, para conseguir orientar melhor a tarefa de montar uma lancheira bem bacana e que seja completa, além de ser atrativa com o equilíbrio necessário.

“Os pais não podem desanimar e se render aos lanches prontos, pois são menos nutritivos, MAS não adianta insistir para o filho comer bem se os pais não dão o exemplo em casa”, ressalta a nutricionista.

Assim, a fim de montar uma lancheira ideal, os alimentos devem ser saudáveis e, ao mesmo tempo, do gosto da criança. A diversidade de alimentos é importante, as cores devem ser atrativas, já que a repetição dos itens pode levar a criança a enjoar e ficar desestimulada.

“É importante envolve-los na montagem. Pedir a opinião desperta o interesse pelo alimento que ele irá ingerir”, comenta ainda .

Abaixo, segue uma lista com dicas bacanas e orientações de como vencer este desafio de maneira harmoniosa:

  1. Prefira as lancheiras térmicas, pois permitem um melhor acondicionamento dos alimentos e mantêm a comida mais fresca.
    – Quando saímos por aqui, costumo colocar aqueles ‘coolers’ dentro da lancheira, ajuda muito!

  2. Abuse da variedade das frutas. além da maçã ou banana, outras também são práticas para o consumo, como laranja, mexerica, pera, uva, morango, manga, melão ou melancia. As frutas devem ser enviadas já lavadas e secas, em potes vedados, e podem ser picadas em formatos divertidos. Importante aproveitar as frutas da estação, além de mais saborosas tem melhor custo.

  3. Incentive, desde cedo, a ingestão de líquidos, principalmente água mineral. Se preferir sucos naturais, congele o líquido em forminhas e coloque os cubos na garrafa térmica. A bebida irá descongelar aos poucos até a hora do lanche. Polpas ou sucos integrais livres de corantes, acidulantes, sódio e açúcar também são indicados.

  4. Prefira pães ou biscoitos integrais, multigrãos, de arroz, mandioca, cenoura ou de milho ao invés de pães brancos, bisnaguinhas, bolachas recheadas e salgadinhos. Os pães podem ser preparados com ricota, queijo tipo cottage ou cream-cheese como base.

  5. Petiscos são atrativos para as crianças. Queijos em cubos, tomate cereja e cenouras baby podem ser levados em um pote ou em formato de espetinho. Também são boas opções os biscoitos de polvilho, frutas desidratadas e mix de castanhas e cereais sem açúcar.

  6. Seu filho gosta de bolos? Faça opções mais saudáveis e saborosas, como de cenoura, limão, coco, laranja e até o de chocolate (feito com cacau em pó). Se puder, troque a farinha de trigo refinada por integral, aveia ou biomassa de banana verde. O açúcar comum pode ser substituído pelo mascavo.

  7. Se mesmo assim seu filho preferir o lanche do colega, procure saber o que o amigo costuma levar e inclua no cardápio da semana. Se forem guloseimas, combine o consumo a cada 10 ou 15 dias.

E com estas dicas, fica mais fácil diversificar no dia-a-dia, contando com a lancheira escolhida, abaixo listei também algumas opções que temos disponíveis no mercado entre lancheiras, marmitinhas e garrafas:

Imagens 01, 02, 03, 04, 05 e 06: Lancheira My Little Pony, da By Kids; Lancheira DinoTrux, da Luxel; Do querido McQueen/Carros, da Dermiwil; Da Peppa Pig, por Xeryus; Da Magali, por Pacific e por último, mais comum com as de antigamente, com direito a personalização com foto, da Plasútil. Via Lojas Americanas, Xeryus Oficial e Plasútil Oficial.

Imagens 06, 07, 08 e 09: Marmitinhas com divisórias da Daiso Japan; da La Cuisine que eu acho super bacana; da Mimo Style que vem com garfinho e Tupperware que eu tenho em casa. Via Daiso Japan Loja Virtual, Shoptime e Pinterest – Morgan John.

Imagens 10, 11 e 12: Garrafas/Copos Térmicos para melhor condicionamento dos líquidos com canudo em silicone e os dois últimos em inox com canudo também. Via Lojas Americanas, Mercado Livre e Baby-X.

Espero que tenham gostado!

Com carinho,
Ná Pironato.

COMPLEXO HOSPITALAR EDMUNDO VASCONCELOS

Localizado ao lado do Parque do Ibirapuera, em São Paulo, o Complexo Hospitalar Edmundo Vasconcelos atua em mais de 50 especialidades e conta com cerca de 1.400 médicos. Realiza aproximadamente 12 mil procedimentos cirúrgicos, 13 mil internações, 230 mil consultas ambulatoriais, 145 mil atendimentos de Pronto-Socorro e 1,45 milhão de exames por ano. Dentre os selos e certificações obtidos pela instituição, destaca-se a Acreditação Hospitalar Nível 3 – Excelência em Gestão, concedida pela Organização Nacional de Acreditação (ONA) e o Prêmio Melhores Empresas para Trabalhar no Brasil, conquistado pelo sexto ano consecutivo em 2016.

Rua Borges Lagoa, 1.450 – Vila Clementino, Zona Sul de São Paulo.
Tel. (11) 5080-4000
Site: www.hpev.com.br
Facebook: www.facebook.com/ComplexoHospitalarEV
Twitter: www.twitter.com/Hospital_EV
YouTube: www.youtube.com/user/HospitalEV

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s